Notícias

Prefeito Paulo Gomes apresenta projeto de lei que reduz alíquota do ISSQN em Tocantinópolis

O prefeito Paulo Gomes esteve reunido nesta quarta-feira (7), em seu gabinete, com a vice-prefeita Eleny Araújo, empresários, vereadores e representante da Associação Comercial e Industrial de Tocantinópolis (Acito), para apresentar o novo Projeto de Lei Complementar que reduz a alíquota do ISSQN (Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza). O PL estabelece índices percentuais entre 2%, 3% e 5%.

Com a reavaliação da planta, a intenção da atual administração é dirimir a defasagem existente e corrigir as distorções relacionadas à cobrança do imposto para restabelecer ajuste fiscal e aumentar a capacidade de investimentos e serviços públicos essenciais à população. Após aprovação, os valores serão aplicados a partir de janeiro de 2019.

Durante o anúncio, que teve a presença dos vereadores Zullias Amoury, presidente da Câmara Municipal; Gerry do Ribeirãozinho; Osvaldo Brito; Wilson Lima e Mundim Folha, além do secretário de Administração, Finanças e Meio Ambiente, Delvani Souza; dos empresários Gilmar Gonçalves e Antônio Alencar Neto; e do presidente da Associação Comercial e Industrial de Tocantinópolis, Evandro Guimarães, o gestor municipal se mostrou otimista em relação ao projeto que busca o incentivo fiscal ao município e pediu o apoio do legislativo na aprovação da propositura.

“A proposta de reavaliação de valores abrirá caminho para que o município possa atrair mais investidores, e assim, fazer com que pessoas saiam da inadimplência. Nossa administração tem seguido com foco em inovação e resultados. Acredito que através desses projetos enviados à Câmara Municipal, estamos preparando a base que fará com que Tocantinópolis volte a crescer e tenha efetivamente um ciclo de desenvolvimento”, ressaltou o prefeito Paulo Gomes.

O empresário Gilmar Gonçalves acredita que a forma de atrair empresas para o município é através dessas iniciativas, redução de impostos. “Tenho certeza que a partir do próximo ano a arrecadação irá aumentar. Além de criar mecanismos de trazer novos investidores para Tocantinópolis. Iremos ocasionar geração de empregos e renda para o povo, fator que estamos mais precisando no momento. Com isso, há a possibilidade de trazermos novas empresas para o município, fazendo com se descarregue a carga que a Prefeitura tem hoje. Então, esse projeto que o prefeito Paulo Gomes propôs vai abrir uma precedente nos municípios vizinhos, aumentando-se assim, a arrecadação de Tocantinópolis nos próximos anos”, informou.

Evandro Guimarães comentou que o projeto de lei é uma viabilidade muito grande, tanto na questão da arrecadação, baixando-se a alíquota, quanto na diminuição das sonegações. “O contribuinte vai vir mais e com isso apresentar um aumento de despesas. É o menor que se faz mais, no meu entender. Portanto, a Câmara Municipal tem o poder de beneficiar o cidadão, por isso os vereadores devem abraçar com muita alegria esse projeto, pois o Poder Legislativo é o defensor do povo”, destacou o presidente da Acito.

Para finalizar, o gestor municipal destaca que a redução da alíquota do ISSQN não vai afetar a arrecadação das receitas financeiras do município. “Pelo contrário, será um grande incentivo para os pequenos, micro e grandes empresários, os quais poderão melhorar ainda mais a sua renda. Certamente, a partir dessa lei, os negócios vão crescer potencialmente”, acrescentou Paulo Gomes.

Fonte/Foto: Dirceu Leno / Ascom Prefeitura

Parceria entre Sesc e Prefeitura oferta exames de mamografia e citopatogia para mulheres

Como forma de combater o câncer de mama e proporcionar a prevenção, a Prefeitura de Tocantinópolis, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, firmou parceria com o Serviço Nacional do Comércio (Sesc) Tocantins, para realização de exames de mamografia e citopatogia gratuitos.

Depois dos agendamentos, cerca de 30 mulheres embarcaram na noite deste domingo (4), com destino à Capital Palmas, onde lá se submeteram aos exames realizados na unidade móvel (carreta). O projeto Sesc Saúde Mulher é ofertado da seguinte forma: mamografia digital para mulheres com idade entre 40 e 69 anos; já a unidade móvel vai realizar também o exame citopatológico, ou seja, o papanicolaou, às mulheres entre 18 e 70 anos.

Durante os procedimentos médicos, as pacientes recebem orientações através de ações educativas em Saúde, a exemplo das campanhas Outubro Rosa, que é uma campanha de conscientização das mulheres e a sociedade sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama.

Consola Rodrigues Fonseca se submeteu aos exames e parabenizou pela ação desenvolvida em benefício da saúde da mulher. "Parabéns à todos os envolvidos nesse projeto, pois foi e continua sendo muito importante para nós mulheres. Como uma das participantes, amei fazer parte dessa ação maravilhosa. Agradeço à Deus e a todos da Secretaria de Saúde. Que continuem com este maravilhoso projeto", disse.

O secretário de Saúde, Jair Aguiar ressalta que o envio das pacientes à Palmas, por meio da parceria com o Sesc, é um esforço gigantesco para não deixar a população sem atendimento, tendo em vista que estes exames de prevenção são muito importantes no diagnóstico prévio de várias doenças, inclusive o tão temido câncer.

“O Estado possui muitas limitações na oferta destes exames, cabendo aos gestores buscarem alternativas para atender à população. Estamos em negociação com o Sesc para trazer, em 2019, a Carreta da Saúde da Mulher e, assim, atender as mulheres de Tocantinópolis e também de cidades vizinhas”, relatou secretário de Saúde, Jair Aguiar.

Fonte/Foto: Dirceu Leno / Ascom Prefeitura

Prefeitura intensifica serviços de educação ambiental e coleta de lixo nas aldeias de Tocantinópolis

Na sociedade tradicional indígena, não existia lixo. O que as pessoas tiravam da floresta voltava para a floresta. Essa dinâmica mudou com o contato com brancos e com a povoação dos nativos. Visando estabelecer uma conduta educativa e ao mesmo tempo preservativa, a Prefeitura de Tocantinópolis, por intermédio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, tem intensificado a coleta de lixo nas aldeias apinajés.

Para efetivação dos trabalhos, o Governo Municipal conta com a parceria da Secretaria Municipal de Obras, Transportes, Infraestrutura e Agricultura; Secretaria Especial da Saúde Indígena (Sesai); Defesa Civil/Brigada Municipal de Incêndio e Coordenação de Limpeza Pública Municipal de Tocantinópolis.

As atividades de educação ambiental e coleta de lixo nas aldeias indígenas apinajé tiveram início ainda no primeiro semestre, tendo os trabalhos intensificados nos últimos meses desse ano. Os serviços atendem em média mais de 40 aldeias, sendo que na sua maioria ficam distantes a mais de 50 quilômetros do município.

Para que esse trabalho possa ser desenvolvido com versatilidade, a Prefeitura além de disponibilizar material humano (equipes de garis), veículos e maquinários, também conta com o apoio irrestrito da Defesa Civil/Brigada Municipal e técnicos da Sesai para a efetivação da coleta de lixo. Além do recolhimento dos resíduos e entulhos, as equipes fazem distribuição de sacos para armazenamento dos detritos.

O coordenador do Meio Ambiente e da Brigada Municipal, Emilvado Aguiar destaca que o povo apinajé por ser muito aberto – diferentemente de outras tribos, que muitas vezes são mais reservadas – tem facilitado a entrada das equipes nas aldeias, conduta que tem gerado um trabalho satisfatório dentro da reserva.

“A limpeza nas aldeias visa a preservação dos recursos hídricos, ar e solo, contribui com a redução das queimadas, além de prevenir a população contra doenças causadas pelo acúmulo e disposição inadequada do lixo. Os principais desafios deles na questão do lixo são a distância e o comportamento. Eles não têm onde descartar. E estavam acostumados a usar o que tem e devolver para a floresta. Uma das iniciativas é reverter essa situação levando informações à população das aldeias quanto ao descarte legal do lixo”, informou Emivaldo Aguiar.

Como questão de saúde pública, entre outros problemas que a falta de coleta de lixo acarreta, a proliferação de vetores de doenças é o mais agravante. Por este motivo, a necessidade de coleta de lixo é uma das demandas necessárias no combate às doenças transmitidas pelos mosquitos Aedes aegypti, albopictus, haemagogus e palha, transmissores da dengue, chikungunya, zika, febre amarela e calazar, respectivamente.

Fonte: Dirceu Leno / Ascom Prefeitura

4536428521820981853462549190345576594538496o
4529261921820979853462748224943516657123328o
4522267821820986386795426871658819869474816o
4522192421820977720129621360269133949698048o
45218056218210037867936885548146444206080o
4521704121820980853462648699409189501403136o
452080962182097972012942445563227296759808o
452159342182097528679653504766293455405056o
4517209521820977320129664259968079951298560o
4517663921820977486796315862273606171492352o
451453792182098495346223960923160666963968o
4512261121820995086794556917114954139041792o

Prefeito encaminha projeto para a Câmara, que regulamenta incentivo adicional aos ACS e ACE

Como forma de valorização do servidor público municipal, o prefeito de Tocantinópolis, Paulo Gomes encaminhou Projeto de Lei nº 027/2018, ao Poder Legislativo, que autoriza o município a pagar aos Agentes Comunitários de Saúde e aos Agentes de Combate às Endemias, incentivo financeiro adicional exclusivo às equipes de saúde da família. O projeto deve ser aprovado nesta quinta-feira (8).

A propositura, além de valorizar as funções exercidas pelos agentes municipais, os quais desempenham papel fundamental na implementação do Sistema Único de Saúde, fortalece a integração entre os serviços da Atenção Primária à Saúde, da Vigilância Ambiental e comunidade.

O PL também trata da melhora há muito requerida pela classe de servidores e, que nesse momento irá ser atendida pelo prefeito municipal. Os recursos, que são como espécie de 14º salário, serão advindos do valor recebido do Governo Federal, através do Ministério da Saúde, no último trimestre de cada ano.

O valor deverá ser pago no mês de dezembro de cada ano aos agentes que tiverem cumprido as metas definidas pelo órgão federal e municipal. Vale ressaltar que, o incentivo será efetuado enquanto perdurarem os repasses pelo Governo Federal, cessando a obrigação da municipalidade em caso de término dos respectivos repasses pelo Ministério da Saúde.

Agente Comunitária de Saúde há 10 anos, Carla Alves, comemora o benefício dizendo que o resultado é uma luta da classe e resultado do reconhecimento do trabalho prestado pela categoria ao município. “Com a regulamentação da lei, será uma alegria muito grande para os ACS e os ACE, porque iremos ter nosso direito assegurado. Sabemos que essa lei já existe em outros municípios e, agora, o prefeito Paulo Gomes irá implementar aqui em Tocantinópolis também. Em nome de toda classe, digo que estamos muito felizes”, disse Carla Alves.

O prefeito Paulo Gomes destaca que os Agentes Comunitários de Saúde e de Endemias já haviam solicitando este incentivo e, que agora o Poder Executivo irá regulamentar em forma de lei. “Essa conquista é um reconhecimento do trabalho de todos os envolvidos e um resultado da constante luta da atual administração e da sensibilidade do gestor municipal para com as categorias. Com a aprovação da lei iremos conceder melhores condições de trabalho e valorização dos servidores públicos do município”, afirmou.

Fonte/Foto: Dirceu Leno / Ascom Prefeitura

Prefeito Paulo Gomes entrega tablets e anuncia pagamento de incentivo adicional aos ACS e ACE

Seguindo com uma gestão inovadora e de resultados, o prefeito Paulo Gomes, juntamente com a vice-prefeita, Eleny Araújo e o secretário de Saúde, Jair Aguiar realizou na última quinta-feira, 1º de novembro, entrega de 62 tabletes e anunciou o pagamento do incentivo adicional para os Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e Agentes de Combate as Endemias (ACE).

Anterior à ocasião, a Administração Municipal visando melhores condições de trabalho para estes profissionais que são o elo de ligação entre a comunidade e como complemento ao kit de trabalho, concedeu aos ACS, uniformes; mochilas; protetor solar e balanças digitais.

Nessa etapa que compreende a entrega dos equipamentos, a tecnologia vai substituir o papel e assim melhorar o processo de informação e atendimento à população. Cada equipe das unidades básicas de saúde passará por capacitação para a melhor utilização do aparelho, que conta com o aplicativo do E-SUS.

Melhorias

Yuri Paula de França responsável pela implementação dos Sistemas de Informação da Secretaria de Saúde explicou o avanço da iniciativa. “A principal mudança é que todo o colhimento de informação será feito de modo digital. Havia uma espera para inserção das informações no sistema, uma vez que, os ACS tinham que fazer o procedimento nas unidades de saúde e isso atrasava os trabalhos. Com o tablet isso não acontecerá. O agente só vai precisar editar, vai ser bem mais fácil”, detalhou.

A agente comunitária, Carla Alves de Oliveira, do Ambulatório Central, foi a primeira a testar o aparelho com o aplicativo. “Eu achei ótimo. Porque preencher as fichas e depois digitar no sistema perdíamos muito tempo e às vezes as informações eram perdidas ou não chegavam no tempo hábil para fazer a inserção, daí tínhamos que refazer tudo novamente. Agora com o tablet vai ser em tempo real, isso ajuda muito”, comentou.

O secretário de Saúde, Jair Aguiar, comenta que a ação é um grande avanço para Tocantinópolis, tendo em vista que o agente comunitário de saúde atua orientando e acompanhando famílias e grupos em seus domicílios e os encaminhando aos serviços de saúde. Por isso há a necessidade de agilidade e precisão dos dados coletados nos domicílios.

“Nós iniciamos os investimentos com a entrega de uniformes; mochilas; protetor solar e balanças digitais e, agora, passamos às mãos dos ACS, os computadores portáteis (tablets). A Administração Municipal avança e mostra que se preocupa em modernizar os serviços prestados à população. A informação vai ser mais precisa e tudo isso é pensando em oferecer mais comodidade tanto ao cidadão como para os servidores”, disse Jair Aguiar, lembrando que durante as visitas domiciliares, os ACS preenchiam as fichas à mão e ainda tinham a função de digitar no computador toda a produção do dia.

Pagamento de incentivo adicional

Um dos momentos de tamanha felicidade dos servidores foi quando o prefeito Paulo Gomes anunciou o pagamento do piso salarial e do incentivo adicional, referente ao ano de 2018. Os valores serão pagos tanto para os Agentes Comunitários de Saúde como para os Agentes Comunitários de Saúde.

Durante ocasião de entrega dos tablets, o prefeito definiu junto com os servidores como será feito o pagamento do incentivo, espécie de 14º salário. A proposta da gestão é realizar o pagamento de maneira integral, até o final deste ano.

Sobre o piso salarial dos ACS, a Prefeitura irá pagar, em 2019, conforme os repasses do Ministério da Saúde forem efetivados. Ou seja, 95% do valor é de responsabilidade do governo federal e 5% de contrapartida do município.

O prefeito se sentiu satisfeito tanto pela entrega dos equipamentos quanto pelo pagamento do incentivo aos ACS e ACE. “Temos uma gestão focada no planejamento, na inovação e na concretização de trabalhos com resultados. Somos um município referência quando se trata na realização de obras e pagamento de salários em dia. São categorias muito importantes e que merecem reconhecimento e valorização. Tenho certeza que o retorno deste investimento e a entrega desses modernos instrumentos de trabalho (tablets), será revestido num melhor atendimento para a população, pois os serviços serão aperfeiçoados e desenvolvidos com mais rapidez e precisão”, destacou o prefeito Paulo Gomes.

Fonte/Fotos: Dirceu Leno / Ascom Prefeitura

Prefeito Paulo Gomes discute com secretariado Lei Orçamentária Anual para 2019

Discutir metas, receitas e despesas que possibilitem a realização das políticas e programas da gestão municipal, para o exercício 2019, foi o objetivo da reunião realizada entre o prefeito de Tocantinópolis, Paulo Gomes e seu secretariado, na manhã desta terça-feira (30), em seu gabinete.

O contador do município, Paulo Wanderson apresentou aos presentes as premissas básicas que integrarão o projeto de lei relativo ao orçamento anual da Prefeitura de Tocantinópolis para o próximo ano. De acordo com o documento, a dotação prevista para o próximo ano prevê investimentos nas áreas da saúde, educação e cultura, agricultura, infraestrutura, esporte e lazer.

Entre as prioridades estão: construção de casas populares; reformas de escolas e quadras de esportes; construção de campo de futebol; aquisição de maquinário para micropavimento; pavimentação de ruas; recuperação e revitalização de estradas vicinais; programas sociais; festas comemorativas do município; temporada de praia; investimentos nas áreas de esporte e lazer; construção de banheiros sanitários; reforma de unidades básicas de saúde; construção do prédio da Secretaria Municipal de Saúde; aquisição de perfuratriz e ônibus escolares, dentre outras.

Após a composição de toda a estrutura da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e da Lei Orçamentária Anual (LOA), os documentos serão encaminhados para a Câmara Municipal, onde passarão pela apreciação dos vereadores nas comissões e, posteriormente, colocados em votação.

De acordo com o prefeito Paulo Gomes, a reunião teve objetivo de discutir com os representantes das respectivas secretarias o processo de composição do orçamento anual, que está em fase de elaboração, tendo em vista que os secretários conhecem de perto os problemas e as prioridades de cada pasta, sendo este diálogo, importante para a discussão das ações a serem desenvolvidas em 2019.

“Temos articulado com os secretários as demandas de cada pasta para que possamos ter um ano consolidado e, acima de tudo, com realização de obras e valorização do servidor público”, destacou o prefeito Paulo Gomes.

Fonte/Foto: Dirceu Leno: Ascom Prefeitura

Paulo Gomes propõe projeto de lei que reduz diárias do prefeito, vice e secretários municipais

Chefe do Executivo de Tocantinópolis, Paulo Gomes, apresentou na manhã desta terça-feira (6), aos vereadores, Projeto de Lei nº 026/2018, que reduz as despesas de diárias dos agentes políticos do município. A matéria além de conter gastos, reduz em até 50% os valores praticados atualmente. O PL foi apresentado e colocado em pauta e agora segue em análise das comissões.

O prefeito, através do substitutivo, cumpri mais um compromisso que padroniza o valor das diárias de todos os servidores, cargos em comissão, prefeito, vice-prefeito e secretários municipais para deslocamento dentro e fora do estado. Os valores serão os mesmos para os demais colaboradores, independente do padrão ou cargo que ocupa.

O Executivo defende no dispositivo que a diária de prefeito não deverá ser diferente ou maior que qualquer servidor, por isso os valores não ultrapassarão os R$ 500 reais. “Trabalhamos para melhorar e é isso que estamos fazendo. Com a redução das diárias iremos economizar e aplicar mais recursos em melhorias para os munícipes. A matéria além de contribuir com o princípio da isonomia, fortalece a moralidade que tanto falta no país”, informou o prefeito Paulo Gomes.  

Todos os vereadores parabenizaram a ação do prefeito ao propor projeto de lei que reduz as diárias do executivo municipal, vice-prefeito e secretários, fazendo assim, uma equiparação entre todos. “Uma atitude louvável do gestor municipal em propor essa redução. O país passa por uma grande crise e os municípios sofrem diretamente, pois os repasses estão cada vez menores. É uma determinação que a Administração Pública da nossa cidade seja realizada de forma eficiente, utilizando menos recursos financeiros e oferecendo mais serviços à população”, disse o líder do governo na Câmara, vereador José Raimundo.  

Entenda

Os valores vigentes estabelecidos através da Lei nº 1.027/2017, atribuía para prefeito e vice-prefeito, diária para a capital do país, Brasília, no valor de R$ 1 mil reais. Com a nova normativa, passa a ser R$ 500. Para deslocamento à Capital do Estado, Palmas, antes concedia R$ 600, agora, serão apenas R$ 350. Diárias para os demais municípios, os valores passam a ser R$ 200; antes eram conferidos R$ 300 reais.

Anterior ao novo dispositivo, os secretários municipais recebiam R$ 600, para viagens às capitais fora do estado. Para deslocamento para Palmas, a Prefeitura concedia R$ 400. Nas viagens para os demais municípios dentro e fora do estado, o valor era de R$ 300 reais.

Já os custeios de deslocamento para os servidores municipais permaneceram sem alteração. Os valores das viagens para capitais fora do estado, permanece em R$ 500. Os funcionários que viajarem para Palmas continuarão a receber R$ 350. O custeio às viagens para os demais municípios do Tocantins e estados vizinhos, ficam inalterados em R$ 200 reais.

Fonte/Foto: Dirceu Leno / Ascom Prefeitura 

Abertas inscrições para a Copa Master Sub40 e Copa Cidade de Futebol Feminino

A Secretaria Municipal de Juventude, Esportes e Lazer de Tocantinópolis está com inscrições abertas para as equipes interessadas em participar da Copa Master Sub40 e Copa Cidade de Futebol Feminino, edição 2018. As inscrições podem ser realizadas no horário comercial, das 8h às 11h30 e das 14h às 16h30, na respectiva secretaria.

A Copa Master Sub40 e Copa Cidade de Futebol, que será realizada pela Prefeitura e organizada pela Secretaria Municipal de Juventude, Esporte e Lazer, tem previsão de início para o próximo dia final de semana, dia 14 de novembro, nas dependências do Estádio Municipal Lauro Assunção.

De acordo com o secretário Edilson Vieira, a intenção é contar com a participação de várias equipes, para isso, será realizada na próxima segunda-feira (7), às 19h, no hall da Secretaria de Esportes, uma reunião para discussão do regulamento e assuntos atinentes aos certames.

Maiores informações poderão ser obtidas no telefone (63) 3471-1447. A Secretaria Municipal de Juventude, Esporte e Lazer que fica localizada no antigo prédio dos Pioneiros Mirins.

Secretarias de Saúde e Assistência Social comemoram “Outubro Rosa” em Tocantinópolis

A Prefeitura de Tocantinópolis, por meio da Secretaria Municipal de Saúde em parceria com a Secretaria Municipal de Assistência Social encerrou na última quinta-feira (25), o ciclo de ações em comemoração ao “Outubro Rosa”, mês dedicado à campanha que chama a atenção para a saúde da mulher.

Com decoração a rigor, o evento, que aconteceu no espaço cultural da Secretaria Municipal de Juventude, Esporte e Lazer, contou com a participação de mais de 500 mulheres, onde acompanharam palestra educativa com foco na prevenção do câncer de mama, ministrada pela Enfermeira e Pedagoga, especialista em Oncologia, Erika Ferreira Tourinho, onde abordou os aspectos do câncer, interagiu com o público esclarecendo dúvidas e destacando a importância do cuidado precoce da doença.

Os “Doutores Mais Sorriso” também reforçaram a mensagem dramatizando peça teatral advertindo sobre a prevenção ao câncer de mama, segundo tipo mais frequente no mundo. Os profissionais da Saúde aproveitaram a oportunidade para informar ao público presente alguns cuidados sobre as doenças causadas pelo mosquito Aedes aegypti, tais como a Dengue, Chikungunya, Zika, Febre Amarela, dentre outras.

Ao longo mês, as Unidades Básicas de Saúde seguiram cronograma de ações com realização de exames de colo de útero, consultas médicas, aferição de pressão arterial, teste de diabetes, orientações nutricionais, psicológicas, com a propositura do engajaram no projeto em busca de conscientização e sensibilização da população sobre a prevenção do câncer.

A secretária de Assistência Social, Eleny Araújo afirma ter ficado muito satisfeita pela quantidade de mulheres que atenderam ao convite, participando do evento do início ao fim, tirando dúvidas, compartilhando experiências e se divertindo com todas, em momento agradável, educativo e divertido. “O objetivo é intensificar as ações e alertar as mulheres sobre a importância da realização dos exames preventivos, como a mamografia e o papanicolau, que devem ser feitos de maneira regular e, assim, buscar uma atenção à saúde de qualidade, através dos diagnósticos precoces que estão disponíveis na rede pública do SUS”, explicou.

Jair Aguiar, titular da pasta da Saúde, também agradeceu a presença de todas e reforçou a importância da promoção dessas ações em benefício da saúde da mulher. “O câncer de mama é hoje o câncer mais comum ente as mulheres em praticamente todo o mundo, em função disso, a Prefeitura, através as secretarias de Saúde e Assistência Social tem promovido ações de cunho educativo e informativo com propósito de esclarecer dúvidas, informar e conscientizar a população da necessidade e importância da prevenção, diagnóstico e o tratamento precoce na redução da morbimortalidade do câncer de mama, bem como o do colo de útero”, relatou.

Fonte/Fotos: Dirceu Leno / Ascom Prefeitura

449864212180845388804867775839443490701312o
4509385921808238821403516907977089094254592o
4506103221808244188069646846571121324589056o
4503567421808242754736455910365269812838400o
4498744221808235588070502967663904357875712o
4521592421808236154737115748195770096418816o
4519408621808234788070583197838142417666048o
4513775321808230054737722270147810894544896o
4510076821808231954737531969313230442463232o
4508579521808462821381118250535199549423616o
4498761921808226821404715020786326295805952o
4506013221808226954738031687130803898679296o
4504447821808239454736786883112028769091584o
4503569721808456921381708420947428701634560o
4500519421808231154737611438198983368376320o
4498982521808457954714933257843753280339968o

Subcategorias