Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Idosos prometem fazer bonito no “Arraiá da Alegria” de Tocantinópolis

Notícias

Idosos prometem fazer bonito no “Arraiá da Alegria” de Tocantinópolis

ARRAIÁ DA ALEGRIA

publicado: 05/05/2017 09h32 última modificação: 08/05/2017 17h33

Há pouco mais de um mês para o início do maior e melhor festival de quadrilhas do Tocantins, os idosos seguem firmes ensaiando, para fazer bonito no 29º Arraiá da Alegria de Tocantinópolis. Este ano, a exemplo dos anteriores, o grupo da terceira idade promete trazer novidades para o público.

Alegria, perseverança e muita determinação animam os ensaios da Quadrilha da Melhor Idade. Organizada pela Prefeitura e Secretaria Municipal de Assistência Social, a junina além de oferecer aos idosos uma atividade física e terapêutica, proporciona o bem-estar físico e psicológico dos praticantes. Sendo assim, 24 pares se preparam para apresentar na arena do Quadrilhódromo.

De acordo com o instrutor de dança Ulisses Guimarães, a equipe organizadora pretende trazer novidades para vigésima nona edição do festival de quadrilhas. “Estou muito feliz pelo convite feito pela Secretaria de Assistência Social, e minha expectativa diante desse desafio é muito boa. Além de muita alegria, estamos reservando para o público grandes novidades”, disse.

Há uma semana de ensaios, os encontros estão sendo considerados bons e bastante produtivos. “É muito gratificante trabalhar com os idosos. Estou animado, pois em apenas uma semana já conseguimos fechar metade dos ensaios. A junina da Melhor Idade sempre me chamou a atenção, e desde então, nunca perdi uma apresentação, e este ano será um desafio muito grande para mim, pois pela primeira vez irei estar à frente dessa quadrilha maravilhosa, só que é um desafio que será alcançado com a graça de Deus, e apoio de toda equipe da Secretaria de Assistência Social”, ressaltou Ulisses.

Solimar Fernandes de Sousa, 66 anos, que há pelo menos 8 anos participa das atividades voltadas para a pessoa idosa, ressalta a importância da Quadrilha da Melhor Idade. “Pensávamos que pelo fato de não termos o professor Wellington, e por não conhecer o Ulisses, não iria dar certo, mas sinceramente, todos estão de parabéns, nota dez, muito bom mesmo. Os ensaios estão dando certo e os planos do nosso atual professor também”, enfatizou.

Tudo nos mínimos detalhes para sair tudo perfeito, é assim que está sendo organizada a Quadrilha da Melhor Idade. “Os nossos ensaios da quadrilha estão sendo ótimos. É muito bom dançar. Eu me sinto mais jovem e mais alegre. Vai ser uma quadrilha muito bonita, pois estamos ensaiando bastante. Espero que a Quadrilha da Melhor Idade jamais acabe, porque é nossa festividade e é um prazer fazermos parte dela”, afirmou.

Fonte/Foto: Dirceu Leno | Ascom Prefeitura